Críticas


FESTIVAL DO RIO 2007: CIDADE EM CIO

De: HERNÁN GAFFET
Com: DANIEL KUZNIECKA, ADRIÁN NAVARRO, CLAUDIO RISSI
21.09.2007
Por Maria Silvia Camargo
SEM TESÃO

Quem for ver Cidade em cio pensando em reviver algumas das alegrias que o cinema argentino e a cidade de Buenos Aires têm dado aos brasileiros, vai se dar mal. Este, que é o nono filme de Hernán Gaffet – como diretor e roteirista – mais parece o ensaio de um novato. Como a maioria dos filmes portenhos, se passa entre quatro paredes e confia enormemente no roteiro. Só que, ao contrário do requinte de idéias de um Nove Rainhas de Fabián Bielinsky, por exemplo, tudo gira em torno de um papo de bar entre quatro amigos. Uma conversa tão sem ritmo e assunto quanto chope aguado. Curiosamente o título faz menção à palavra cio, o oposto do que se vê em cena. Hernán Gaffet não tem tesão pelo cinema. Nem na sua visão de Buenos Aires ele se esmera. Seu filme poderia ser lido, pois parece uma crônica – daquelas bem mais ou menos, diga-se de passagem.



Sérgio (Daniel Kuzniecka), o alter ego do diretor, é um roteirista que todos os dias se senta no bar do amigo Duke (Cláudio Rissi), quando tenta finalizar um trabalho. Ao final do expediente, Marcos (Adrián Navarro), se une a eles para relembrar os velhos tempos, quando também dois outros amigos, Sebastián (Juan Minujin) e Valeria (Dolores Sola), estavam ali. O verão aquece a cidade e lindas meninas desfilam na calçada, provocando os gracejos de Marcos, a filosofia de Duke e a timidez de Sérgio. Um dia eles resolvem convidar os dois amigos que faltam para uma comemoração. Apenas Valéria chega, provocando dolorosas lembranças, afinal, ela já havia namorado com os três amigos. Aqui vale ressaltar os bons tangos cantados pela atriz Dolores Sola que, junto com a cena inicial do filme, são as únicas pitadas de alegria que o espectador tem. Aliás, os produtores definem o filme como uma comédia, o que não é verdade.



Com um enredo destes, Cidade em cio poderia se transformar numa obra cheia de clima e charme, caso investisse a fundo na idéia de fazer a crônica de uma geração que teme envelhecer sozinha e de uma cidade. Mas a esta historiazinha acima se unem vários outros começos de causos, que só dispersam, não convergem. Não bastasse isto, quando os amigos se unem ao redor da mesa, qual é a prática comum entre eles? “Deixa eu te contar uma boa história”, diz um ao outro. Ora, de boas histórias os bares estão cheios. Resta saber se elas rendem um filme.



CIDADE EM CIO

ARGENTINA, ESPANHA, 2006

DIREÇÃO E ROTEIRO : HERNÁN GAFFET

ELENCO DANIEL KUZNIECKA, ADRIÁN NAVARRO, CLAUDIO RISSI, DOLORES SOLA

DURAÇÃO 104 min

Site oficial: http://www.ciudadencelo.com.ba/

Voltar
Compartilhe
Deixe seu comentário